Nelson Tembra Blog

Cidadania, Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente

Oficina consolida ações prioritárias para Plano de Recursos Hídricos

Até esta sexta-feira (26/11), mais de 150 participantes, entre eles gestores do setor governamental, da sociedade civil, de comitês de bacia e do setor usuário de água, estarão reunidos, em Fortaleza, na oficina Nacional de Consolidação do Processo Regional da 1ª Revisão do Plano Nacional de Recursos Hídricos (PNRH).

O encontro é para consolidar o PNRH 2025 e apresentar as propostas consolidadas como resultado das ações priorizadas, a partir da série de oficinas regionais realizadas entre agosto e outubro de 2010, em cada uma das nas 12 regiões hidrográficas brasileiras.

A oficina também é a oportunidade para mais uma adequação dos conteúdos; atualização com incorporação dos avanços; revisão dos atores/executores e indicação de suas atribuições; estruturação de indicadores para monitoramento e avaliação do alcance dos objetivos do Plano e proposição de novas ações, exclusão ou junção.

Durante a abertura dos trabalhos nessa terça-feira (23/11), o diretor de Recursos Hídricos da Secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano do MMA, Marco Neves, disse que as oficinas regionais serviram para construir consensos de forma continuada. “Agora o PNRH precisa ser internalizado e ter capilaridade nacional para efetiva implementação de suas ações”, destacou o diretor.

O documento final desta primeira etapa da revisão será levado para deliberação do Conselho Nacional de Recursos Hídricos e retornará ao Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos (Singreh), por meio de seminários em 2011, que serão para divulgação das informações consolidadas e pactuação da implementação. Também está previsto para o mesmo ano, a realização de um Seminário Nacional intitulado PNRH 2025: Resultados e Melhores Práticas e Seminários Regionais visando a divulgação dos resultados da revisão e de experiências bem sucedidas relacionadas às ações prioritárias.

Participam da oficina técnicos da Secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano (SRHU), da Agência Nacional de Águas (ANA), representantes do Conselho Nacional de Recursos Hídricos (CNRH), dos Fóruns Nacional e Estadual de Órgãos Gestores de Água, Conselhos Estaduais de Recursos Hídricos, dos Comitês de Bacias Hidrográficas (CBHs); Órgãos gestores de recursos hídricos dos Estados; das Comissões Organizadoras Regionais (CORs).

O Ministério do Meio Ambiente realizou, ao longo de 2010, uma série de oficinas regionais de revisão do Plano Nacional de Recursos Hídricos. Paralelo à realização das oficinas ainda promoveu diálogos, eventos para aprofundamento e discussão de temas de interesse nacional, tais como Água e Mudanças Climáticas; Água e Desenvolvimento Econômico.

PNRH – Além de orientar políticas públicas na área da gestão das águas, o Plano é um instrumento estratégico para a implementação da Política Nacional de Recursos Hídricos. Sua revisão deve ser feita a cada quatro anos e com a participação de representantes de diversos setores. Na atual redação, o Plano é composto por 4 componentes, 13 programas e 30 subprogramas.

Fonte: SRHU/MMA/ASCOM

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 23/11/2010 by in Blog do Nelson Tembra and tagged .

Navegação

SERVIÇOS AMBIENTAIS

Velocimetro RJNET

Estatísticas do Blog

  • 65,167 hits

Follow me on Twitter

%d bloggers like this: