Nelson Tembra Blog

Cidadania, Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente

Embrapa inicia entrega de sementes para o Plano Brasil Sem Miséria

Agricultores familiares dos Estados de Minas Gerais e da Bahia já estão recebendo, esta semana, as primeiras sementes distribuídas pelo Plano Brasil Sem Miséria. As sementes foram produzidas pela Embrapa Transferência de Tecnologia (Brasília, DF), unidade descentralizada da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e serão entregues aos agricultores sob a coordenação do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).

A distribuição de sementes é um dos objetivos do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) no Plano Brasil Sem Miséria cuja prioridade é a inclusão produtiva de agricultores familiares em situação de extrema pobreza (renda pessoal inferior a R$ 70,00), por meio do aumento da produção agrícola, a partir de orientação e acompanhamento técnico, oferta de insumos e apoio na comercialização da produção excedente.

Foi iniciada a entrega de 100 toneladas de sementes de milho e 50 toneladas de sementes de feijão para as cidades pólos de Porteirinha, MG, Irecê, BA e Bom Jesus da Lapa, BA. Serão beneficiados 10.000 agricultores familiares inseridos na primeira chamada do Plano Brasil Sem Miséria dos Territórios da Cidadania Serra Geral (MG), Irecê (BA) e Velho Chico (BA).

“Estamos iniciando a distribuição de sementes como parte do apoio ao fomento. A Embrapa vai entregá-las em pontos estratégicos e o MDA vai concluir a distribuição em territórios selecionados com base no calendário agrícola. Com assistência técnica, vamos possibilitar que as famílias beneficiárias plantem, produzam e se organizem para a industrialização e comercialização nos mercados institucionais, participando, assim, de uma dinâmica regional virtuosa, para que possam sair da faixa da extrema pobreza. É a organização da economia do campo a partir da inclusão produtiva”, diz o ministro Afonso Florence, do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).

Juntamente com as sementes, estão sendo entregues materiais didáticos para as famílias. São 10 mil folderes de milho (BRS Caatingueiro e BRS 106) e 10 mil folderes de feijão (caupi BRS Pujante e Pérola), além de circulares técnicas sobre cultivo de hortaliças e de milho na agricultura familiar que serão distribuídas aos técnicos de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) das regiões contempladas que atenderão as famílias de agricultores. O material didático e técnico foi produzido pela Embrapa Informação Tecnológica (Brasília, DF). Até o final deste ano, outras 45 mil publicações serão entregues para famílias atendidas pelo plano nos demais Estados da região Nordeste.

Hortaliças

O Plano Brasil Sem Miséria também prevê a entrega para as cidades pólos de MG e BA, ainda neste mês de outubro, de 10.000 kits de hortaliças para os agricultores, contendo sementes de alface, cebolinha, cenoura, coentro, couve, pepino, quiabo, repolho e tomate. Juntamente com as sementes, serão entregues as cartilhas relativas à produção de hortaliças.

Cada família receberá um kit de hortaliças, 5 kg de feijão e 10 kg de milho. A quantidade de sementes do kit de hortaliças foi calculada para aproveitamento durante dois a três cultivos anuais e para suprir uma família de cinco pessoas. Segundo o Gerente Geral Interino da Embrapa Transferência de Tecnologia, Ronaldo Pereira de Andrade, as variedades a serem disponibilizadas foram testadas e indicadas pela pesquisa por sua produtividade, resistência, ou tolerância, a doenças e pragas e adaptação às condições edafo-climáticas da região.

Plano Brasil Sem Miséria

A participação da Embrapa no Plano Brasil Sem Miséria foi formalizada a partir da assinatura de dois Termos de Cooperação Técnica, um com o MDA e outro com o MDS. Os Termos, que compreendem ações para os anos de 2011 e 2012, preveem, além da distribuição de sementes, a capacitação de agentes de Ater e distribuição de material técnico e informativo, cartilhas, informes, Minibibliotecas e o programa de rádio Prosa Rural, que serão disponibilizados pela Embrapa para as famílias e os técnicos. A meta é atender, em 2011, 33.000 agricultores familiares situados no eixo da inclusão produtiva do Plano Brasil Sem Miséria.

Nessa parceria, a Embrapa fornece a tecnologia e informação tecnológica; o MDS custeia o material didático e as sementes e o MDA, realiza a capacitação dos agentes de Ater e também financia as sementes. Segundo Andrade, as sementes distribuídas são de qualidade e origem genética, selecionadas nos programas de melhoramento da Embrapa ou recomendadas pela pesquisa. As variedades são oferecidas conforme as necessidades regionais. Com isso, além da melhoria na qualidade de vida, os agricultores estarão recebendo produtos de qualidade superior, sendo beneficiados pelos grandes avanços tecnológicos da agricultura brasileira.

Texto

Jurema Iara Campos – MTb 1300/DF

Embrapa Transferência de Tecnologia – Gerência de Promoção Tecnológica

Com a colaboração de Selma Beltrão – Embrapa Informação Tecnológica e Daniele Souza – MDA.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

SERVIÇOS AMBIENTAIS

Velocimetro RJNET

Estatísticas do Blog

  • 65,206 hits

Follow me on Twitter

%d bloggers like this: