Nelson Tembra Blog

Cidadania, Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente

Prêmio Chico Mendes homenageia defensores da floresta

Paulenir Constâncio e Rafael Imolene

A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, entrega, no dia 23 de novembro, quarta-feira, às 19h, no Centro Comunitário da Universidade de Brasília, a comenda de menção honrosa a 10 instituições, ao ministro Gilson Dipp, do STJ, e ao procurador da República no Pará, Daniel Azeredo, por suas contribuições em defesa da floresta.

As homenagens fazem parte da Edição Especial do Prêmio Chico Mendes de Meio Ambiente, dedicada ao Ano Internacional das Florestas, instituído pelas Nações Unidas.

O Prêmio Chico Mendes foi criado em 2002 com o objetivo de valorizar e incentivar iniciativas de proteção ao meio ambiente que contribuam para a promoção do desenvolvimento sustentável. Nas nove edições competitivas, de 2002 a 2010, foram registradas 663 inscrições de todos os biomas brasileiros. No ano passado, trabalhos em seis categorias distribuíram R$ 140 mil em premiação. Liderança individual; Organização da Sociedade Civil; Negócios Sustentáveis; Educação Ambiental; Saúde e Meio Ambiente; e Município concorreram aos prêmios.

Homenageados: Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB); Fórum Amazônia Sustentável; Rede Amigos da Amazônia, ligada à Fundação Getúlio Vargas; Pacto pela Restauração da Mata Atlântica;  Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí (Amavi); Associação de Proprietários de Reservas Particulares de Mato Grosso do Sul; Cooperativa Central do Cerrado;  Bodega / Agendha, Rede Ecovida de Agroecologia; e Conselho Nacional das Populações Extrativistas da Amazônia (CNS).

Além da premiação, haverá uma apresentação musical do cantor e compositor mineiro Lô Borges. O Prêmio Chico Mendes é patrocinado pela Natura e recebe apoio da GIZ (Cooperação Alemã).

Formato 2012 – A partir de 2012, o Prêmio Chico Mendes de Meio Ambiente passa a ser bianual, e sua organização operacional contará com parcerias, incluindo a participação do terceiro setor e de instituições públicas. A coordenação permanece com o Ministério do Meio Ambiente, que abrirá as inscrições para a disputa no primeiro semestre.

A novidade em 2012 do prêmio é a de que outros biomas brasileiros foram incluídos na disputa., além da Amazônia Legal – região a que estavam restritos os participantes das edições anteriores.

Projetos e atividades realizados no Cerrado, Caatinga, Pampa, Pantanal e Amazônia serão contemplados em diferentes categorias, representando quase a totalidade do território brasileiro. “Na edição de 2010, tivemos 115 inscritos. Para a primeira edição nacional, em 2012, a expectativa é ultrapassar 500 inscrições”, afirma a gerente de projeto do Departamento de Políticas para o Combate ao Desmatamento do MMA, Nazaré Soares, coordenadora do Prêmio Chico Mendes.

Chico Mendes – O seringueiro e líder sindical Francisco Alves Mendes Filho, conhecido como Chico Mendes, foi um dos mais influentes ativistas ambientais da Amazônia. Seu trabalho em favor da preservação das florestas recebeu reconhecimento internacional. Assassinado no Acre em 1988, em um crime encomendado por fazendeiros, Chico Mendes se tornou um símbolo da luta ambiental.

ASCOM/MMA
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 18/11/2011 by in Blog do Nelson Tembra and tagged , , , , , .

Navegação

SERVIÇOS AMBIENTAIS

Velocimetro RJNET

Estatísticas do Blog

  • 70,367 hits

Follow me on Twitter

%d bloggers like this: